ENTRE... LIVROS

Outubro 16 2013

Bem comer para melhor crescer!

 

A Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) definiu como tema para o Dia Mundial da Alimentação 2013 o assunto “Sistemas Alimentares Saudáveis”.

O Dia Mundial da Alimentação é celebrado anualmente em 16 de outubro.

A data coincide com a criação da própria FAO, que, a cada ano, seleciona um tema com o objetivo de chamar atenção dos países para questões importantes envolvendo a segurança alimentar e nutricional em todo o mundo.

 

Para celebrar este dia, a Biblioteca e o PES promovem uma iniciativa conjunta que visa informar e sensibilizar a comunidade escolar para a adoção de hábitos alimentares saudáveis.

Visita a exposição, vem conhecer as “dicas” para uma alimentação saudável, delicia-te com uma salada de frutas de poesia e participa num passatempo de adivinhas e palavras cruzadas.

 

Esperamos por ti na Biblioteca!

 

O CALDO DE PEDRA

 

Conta a lenda...

 

Um frade andava ao peditório. Chegou à porta de um lavrador, mas não lhe quiseram aí dar nada.

O frade estava a cair com fome, e disse:

– Vou ver se faço um caldinho de pedra.

E pegou numa pedra do chão, sacudiu-lhe a terra e pôs-se a olhar para ela para ver se era boa para fazer um caldo.

A gente da casa pôs-se a rir do frade e daquela lembrança.

Diz o frade:

– Então nunca comeram caldo de pedra? Só lhes digo que é uma coisa muito boa.

Responderam-lhe:

– Sempre queremos ver isso.

Foi o que o frade quis ouvir.

Depois de ter lavado a pedra, disse:

– Se me emprestassem aí um pucarinho.

Deram-lhe uma panela de barro.

Ele encheu-a de água e deitou-lhe a pedra dentro.

– Agora se me deixassem estar a panelinha aí ao pé das brasas.

Deixaram.

Assim que a panela começou a chiar, disse ele:

– Com um bocadinho de unto é que o caldo ficava de primor.

Foram-lhe buscar um pedaço de unto.

Ferveu, ferveu, e a gente da casa pasmada para o que via.

Diz o frade, provando o caldo:

– Está um bocadinho insosso. Precisa de uma pedrinha de sal.

Também lhe deram o sal.

Temperou, provou, e disse:

– Agora é que com uns olhinhos de couve ficava que os anjos o comeriam.

A dona da casa foi à horta e trouxe-lhe duas couves tenras.

O frade limpou-as, e ripou-as com os dedos deitando as folhas na panela.

Quando as couves já estavam aferventadas disse o frade:

– Ai, um naquinho de chouriço é que lhe dava uma graça...!

Trouxeram-lhe um pedaço de chouriço. Ele botou-o à panela, e enquanto se cozia, tirou pão do alforge e preparou-se para comer com vagar.

O caldo cheirava que era um regalo.

Comeu e lambeu o beiço e, depois de despejada a panela, ficou a pedra no fundo.

A gente da casa, que estava com os olhos nele, perguntou-lhe:

– Ó senhor frade, então a pedra?

Respondeu o frade:

– A pedra lavo-a e levo-a comigo para outra vez.

E assim comeu onde não lhe queriam dar nada.

Ele continuou a viagem por outras terras e utilizou a pedra muitas outras vezes.

Foi assim que a receita da Sopa de Pedra foi passando de terra em terra e ainda hoje podemos prová-la em vários lugares com diferentes receitas.*

 

Adaptado de Contos Tradicionais do Povo Português, Teófilo Braga

------------

 *A Sopa de Pedra é uma especialidade de Almeirim, em Santarém, no centro de Portugal.

 

Vê aqui o filme de animação com este conto.

 

publicado por Biblioteca às 13:43

Outubro 11 2013
A autora é considerada "mestra do conto".
É ainda a primeira canadiana e a 13ª mulher a receber o Nobel de Literatura desde a criação do prémio, em 1901.

 

Nascida em 10 de julho de 1931, em Wingham, Ontário, Munro cresceu no campo.

O pai criava raposas e aves e a mãe era professora numa pequena cidade.

Com 11 anos, ela decidiu que queria ser escritora e nunca se afastou desse objectivo.

 

Os seus contos centram-se em histórias observadas na zona rural de Ontário, no Canadá, local onde a escritora cresceu e as suas personagens são sobretudo mulheres que não preenchem os estereótipos de beleza ou de comportamento.

Mas o talento da escritora consegue transformar essas simples histórias quotidianas em profundas análises da fragilidade da condição humana.

publicado por Biblioteca às 22:30

Outubro 08 2013
publicado por Biblioteca às 21:46

Outubro 02 2013

em colaboração com as BLX, PNL e RBE, desafia autores lusófonos,

com idades entre os 8 e 14 anos, a escreverem contos, poemas ou canções.


Os melhores textos serão publicados numa antologia e apresentados publicamente em Portugal e em outros países.

Público-alvo: autores lusófonos dos 8 aos 14 anos
Entrega de textos a concurso: 30 novembro

Envio de textos para 
librerialaatrevida@gmail.com 

ou, por correio:
LibreriaLaAtrevida
Rua Damasceno Monteiro, 21D - 2º dto
1170-109 Lisboa

 

Visita a página em http://laatrevidaconcurso.blogspot.pt/  e sabe tudo sobre o concurso.

Fala com o teu/tua  professor (a) de Português ou com a Professora Bibliotecaria.

publicado por Biblioteca às 20:49

Outubro 01 2013

Outubro é o mês Internacional das Bibliotecas Escolares.

A nossa proposta para  livro do mês  é este bonito livro-diário A Biblioteca Mágica

                       

Sinopse

Dois jovens primos e grandes amigos separam-se depois das longas férias do Verão.

Mas as novidades são tantas que para se manterem em contacto um com o outro recorrem às cartas, numa espécie de livro-diário, onde contam tudo o que lhes acontece.

Nesta troca de correspondência encontram acidentalmente uma estranha carta caída da mala de uma estranha mulher, a Lilli dos Livros, com indicações misteriosas que os dois jovens vão investigar…

Uma descoberta ou um reencontro com o mundo dos livros, desde os mais antigos até aos mais actuais, onde se revelam a todos os leitores importantes características das diferentes épocas do livro.

 

O Autor

 

 

Jostein Gaarder

Jostein Gaarder nasceu em Oslo a 8 de Agosto de 1952.

Formou-se em Filosofia, tendo leccionado durante alguns anos as disciplinas de História das Ideias e História das Religiões no Ensino Secundário.

A partir de 1993, depois do grande sucesso de O Mundo de Sofia dedica-se totalmente à actividade literária e diz inspirar-se nas reacções dos seus dois filhos ao mundo que os rodeia, para a criação de muitos dos seus livros.

Atribui, todavia, o segredo do seu sucesso ao facto de preencher uma das necessidades fundamentais de qualquer ser humano - a de que lhe contem histórias. 

A Biblioteca Mágica espera por ti!

publicado por Biblioteca às 18:18

Blog da Biblioteca da Escola Básica e Secundária D.João V
Outubro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

13
14
15
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


arquivos

Abril 2022

Março 2022

Fevereiro 2022

Janeiro 2022

Dezembro 2021

Novembro 2021

Outubro 2021

Setembro 2021

Julho 2021

Junho 2021

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Recursos Educativos Digitais
DIIGO
pesquisar
 
Professora bibliotecária
Joana Generoso
Professora responsável pelo blog
Joana Generoso
subscrever feeds